Quarta-feira, 8 de Agosto de 2007

Havia outra festa!

As festas correm sempre com o brilho normal.Mas,uma das coisas que mais me impressiona é que a outra parte,a religiosa,se encontra cada vez mais ofuscada.Começa pelos cartazes: a festa é publicitada como sendo em honra de um santo.A sua fotografia é apenas minúscula e colocada num cantinho.Ao contrário a fotografia de um qualque cantor ou animador de baile é fixada em grande escala e o seus nomes escritos em parangonas.Isto não é crítica;é,apenas,uma constatação fácil em qualquer dos programas de todas as festas deste concelho que se encontram afixados nos mais variados lugares. É certo que as festas são feitas para divertir as pessoas e darem lucros.Aceito e reconheço o esforço de quem as promove.Mas,o que mais me impressiona é que a parte religiosa que faz parte intrínseca da nossa cultura .que é uma espécie de catálogo de identificação da nossa vivência,está desprezada por todos nós.Repito : todos nós.Sei que somos livres de acreditar em religiões ,ter fé ou não,pensar que recebemos ou não favores de um santos ou de uma outra entidade não tangível. Sei,também, que se não respeitarmos a nossa cultura ,a nossa vivência colectiva,estamos não só a defraudar a nossa história como estamos   a construir um futuro que facilmente desabará.As festas eram grandes momentos de vivência colectiva a ponto de as pessoas oferecerem o que muitas vezes lhes fazia falta.Dar era importante,mesmo que a dádiva fosse pequena.Dar amizade e alegria era o mais importante das festas.Reconhecer e agradecer uma qualquer benção era um acto de grande humildade e  humanismo.Saber dar e saber receber  são valores superiores.Por tudo isto dói ver a míngua de gentes que participa nas procissões,a escusa de levar pendões ou carregar os andores.Estamos a tempo de parar e voltar a dar vida aquilo que de melhor há na nossa terra : o orgulho das nossas coisas e dos nossos valores.Estamos a tempo de parar e pensar.Estamos a tempo de colaborar com quem trabalha,mas estamos sobretudo a tempo de fazermos todos a festa na sua totalidade,isto é,com a parte religiosa e a parte do divertimento.Seremos já tão egoístas,tão imediatos,competitivos,tão instalados que já nem somos capazes de nos juntar e celebrar os nossos valores que cimentam a nossa vivência em sociedade?

publicado por valverdinho às 18:46
link | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2020

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
18
19
20

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Memória

. Cucos

. O entrudo

. Concordo

. Bom humor

. Mais vale tarde ...

. Centenário

. Aviso à navegação

. coisas simples

. Sinais mudos dos tempos

.arquivos

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Novembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Maio 2017

. Março 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Setembro 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds